Mitos e Verdades

05 d maio d 2016

mitos

Existem algumas dúvidas gerais que permeiam o mercado da micropigmentação, por isso resolvi fazer um copilado de perguntas para ajudar os profissionais com algumas dicas que aprendi em meus anos de experiência:

– As tintas de boa qualidade não causam alergia.
Mito. Não existe tinta hipoalergênica, todas as tintas de qualquer qualidade podem provocar uma reação alérgica, dependendo apenas da cor. Por isso, faço uma anamnese completa.

– Tatuagem, micropigmentação e maquiagem definitiva são a mesma coisa?
Verdade. Todas essas denominações remetem ao conceito de marcar a pele, independentemente da forma, profundidade, localização e com ou sem tinta. Qualquer profissional que marca a pele de uma cliente, seja com palito, estilete, agulha ou máquina é um tatuador.

– A pele sintética é a melhor para se praticar a micropigmentação.
Mito. Há outros tipos de material, igualmente bons ou até melhores, como a pele de porco. Porém, cada profissional deverá observar qual material melhora seu traço.

– Não é necessário higienizar o espaço a cada cliente que entrar.
Grande e perigoso mito! É necessário higienizar todo o material a cada cliente para evitar o contato com germes e bactérias. Lembre-se: a micropigmentação leva um tempo para cicatrizar e deixa a região exposta.

Espero que essas dicas melhorem sua prática profissional!